ghost writer

Ghost Writer: Entenda o trabalho desse profissional!

O Ghost Writer, ou escritor fantasma, é um profissional que faz a escrita principal de qualquer coisa que necessite, mas não recebe o crédito por isso. Seu trabalho é escrever sobre um determinado assunto, que foi acordado previamente com o autor.

A paixão pela escrita e pela criação são os principais motores desse profissional, ele escreve, pois, está sempre curioso em aprender algo novo, e consegue transportar tudo que foi aprendido com as leituras sobre um determinado em um texto para um determinado cliente. Basicamente, é um escritor apaixonado pelo conhecimento.

ghost writer

As entregas realizadas pelo Ghost Writer geralmente incluem a criação de um slogan, script, uma história, um romance inteiro, uma campanha publicitária, um poema, um plano de marketing, um relatório, uma letra de música, um artigo, um trabalho acadêmico entre outros.

Dica: Estude na Estácio com bolsa! Saiba mais.

O que exatamente um Ghost Writer faz?

Em poucas palavras, os escritores fantasmas são pagos para escrever para outra pessoa. Dependendo do trabalho, eles escreverão com o nome do cliente ou serão creditados como colaboradores.

Fantasmas escrevem posts, livros, livros de não-ficção, memória, o que foi acordado com o seu cliente. Já que os clientes em questão, são pessoas com rotinas agitadas, que necessitam do talento do escritor fantasma para criar artigos, que se identifiquem com seu público.

Para se destacar, os Ghost Writers fazem mais do que escrever. É necessário o trabalho de escritor, pesquisador, agente e editor. Um pouco de cada coisa, porém com qualidade e coerência. Utilizando corretamente as palavras, com um português afiado (pode ser em outras línguas, em alguns casos), e com uma escrita envolvente.

ghost writer

Os escritores-fantasma são responsáveis ​​por conversar com clientes atuais e potenciais no dia-a-dia, de modo que a entrevista vem com o trabalho. Você precisa extrair as histórias e materiais certos de seus clientes, e isso geralmente significa a capacidade de formar uma conexão pessoal e tornar o cliente confortável em se abrir para você.

Os escritores fantasmas também precisam ser capazes de pesquisar sobre o assunto. Sempre que os clientes não têm as informações, cabe ao fantasma ajudá-los a preencher as lacunas.

Quais habilidades são necessárias?

Em uma linha de base, você precisa ser um escritor rápido, flexível e com uma escrita atraente. Eles precisam fornecer agilidade e qualidade em suas entregas, independente do grau de dificuldade, sem falhas.

Não é necessário ter uma formação específica, no entanto, em muitos casos, os escritores possuem formação em jornalismo ou marketing. Mas existem muitas exceções no mercado, que nadam na contramão, com formações mais específicas e um currículo de excelência como Ghost Writer.

Além ter a facilidade na escrita, é necessário ter um domínio em técnicas de SEO, que são importantes para conseguir ranquear o seu texto, e dar a visibilidade buscada pelo cliente no momento da contratação.

O Português precisa estar muito afiado, pois todo o texto precisa de coerência verbal, linguística adequada e o tom precisa estar correto, de acordo com o que foi estabelecido com o cliente. Logo, nada de gírias ou vícios de linguagem, pois prejudicam a fluidez o texto, bem como, faz com o que texto deixe de ser interessante, mesmo tendo um bom tema.

É necessário possuir um talento especial para capturar a voz do seu cliente. Um bom escritor fantasma pode se conectar com as histórias que está escrevendo e com os clientes com quem está trabalhando. A empatia permite que os fantasmas vivem indiretamente a vida de outras pessoas, vendo como veem e sentindo como se sentem, em alguns casos, dependendo do trabalho estabelecido.

Os pontos positivos do Ghost Writer para os negócios

Economia de tempo

Este é um benefício claro da escrita fantasma, possivelmente o principal benefício. Se você pode pagar por um Ghost Writer, isso significa que seu tempo é muito valioso. Um autor normalmente leva de 1000 a 2000 horas para escrever um livro de não-ficção sozinho.

Já os Ghost Writers podem reduzir esse tempo em até 100x – diminuindo o tempo gasto em dezenas de horas (ou até menos em alguns casos e dependendo do tema). Para artigos e textos menores que um livro, esse tempo é mais reduzindo ainda, ganhando em produtividade e agilidade no conteúdo.

Não é necessário aprender todos os passos para criação de um livro sozinho

Uma das razões pelas quais as pessoas demoram tanto para escrever um livro é que o processo de escrever em si é muito complicado e difícil de aprender. Um livro tem uma estrutura e um conjunto de regras muito diferentes de quase qualquer outro tipo de escrita ou comunicação, o que torna mais difícil escrever um livro do que escrever qualquer outra coisa. 

Muitas pessoas que escrevem livros aprendem essas coisas à medida que avançam, e é por isso que pode levar anos para escrever um livro. A contratação de um Ghost Writer resolve esse problema.

Published by